Fiscalização mira feiras de negócios para garantir exercício profissional de arquitetos – CAU/SP

Portal da Transparência

Notícias

Fiscalização mira feiras de negócios para garantir exercício profissional de arquitetos

Publicação

09.02.2017

Categorias:

Escrito por:

Redação CAU/SP

Compartilhar

Fiscalização mira feiras de negócios para garantir exercício profissional de arquitetos

O CAU/SP fiscalizou mais de 1.600 estandes e espaços de exposição no ano passado, em um esforço para que organizadores e promotores de eventos conheçam e atendam às exigências da Resolução Nº 21 do CAU/BR.

Conforme a resolução, projeto e execução de edifício efêmero ou de instalações efêmeras são atributos profissionais de arquitetos e urbanistas. “O CAU tem acompanhado o crescimento da demanda por profissionais nesta área, após as ações da Fiscalização”, afirma o presidente do CAU/SP, Gilberto Belleza.

Entre 2015 e 2016, houve um aumento no total de RRTs (Registro de Responsabilidade Técnica) emitidos, alcançando 7.825 em 2016 no caso dos RRTs de projetos, e de 10.883 no caso dos RRTs de Execução, no Estado de São Paulo.

Para orientar e conscientizar expositores e arquitetos, o Conselho realizou uma dezena de reuniões com organizadores, promotoras, montadoras e profissionais de Arquitetura e Urbanismo que atuam na área.

Os arquitetos e urbanistas foram orientados a emitir RRTs de projeto, RRTs de execução e a fazer o registro da montadora (de espaços expositivos) no CAU.

Ações em Feiras e Mostras

Em 2016, a área de fiscalização, sob responsabilidade da Diretoria Técnica, realizou ações de orientação em 14 feiras, mostras e eventos, a exemplo da Bienal do Livro; do Salão Internacional do Automóvel; da Exponutrition; da Equipotel; da Mostra Casa Decorada; da Expo Lar e Decoração; da Casa Cor Campinas e Casa Cor São Paulo entre muitas outras.

No mesmo período, outras 25 feiras, eventos e exposição foram efetivamente fiscalizadas pelos agentes do Conselho.

Eventos do porte da Agrishow, Festa do Peão de Barretos e Salão das Motopeças, além de algumas feiras que já haviam recebido uma visita de orientação foram vistoriadas pelos fiscais do Conselho, a exemplo da Exponutrition, do Salão do Automóvel e da Bienal do Livro.

Neste ano, o CAU/SP vai dar sequência ao projeto “Espaço Responsável”, sempre reforçando o caráter primordialmente orientativo das ações da Fiscalização.

Como procedimento da Fiscalização, trinta dias antes da montagem de um evento, os fiscais, em reunião com os organizadores, devem conferir as documentações (RRTs), além de agendar a data para fiscalizar a feira, mostra ou evento e fotografar os estandes.

Publicado em 09/02/2017
Da Redação

Publicação

09.02.2017

Escrito por:

Redação CAU/SP

Categorias:

Compartilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
28.02.2024

Como participar dos editais de Fomento do CAU/SP?

capa fomentos.3

Os Editais de Fomento consolidando as parcerias entre CAU/SP e a sociedade civil.

Como contratar um arquiteto?

É recomendável contratar um profissional da Arquitetura e Urbanismo considerando três aspectos: combinando as regras; levantando as necessidades e como o arquiteto e urbanista trabalha.

Contrate um arquiteto! Conheça 12 passos que você deve saber antes de construir ou reformar.

Pular para o conteúdo