CAU reafirma a importância do arquiteto e urbanista na segurança do trabalho – CAU/SP

Portal da Transparência

Notícias

CAU reafirma a importância do arquiteto e urbanista na segurança do trabalho

Publicação

12.02.2020

Categorias:

Escrito por:

Redação CAU/SP

Compartilhar

CAU reafirma a importância do arquiteto e urbanista na segurança do trabalho

O I Seminário de Segurança do Trabalho, promovido pelo CAU/BR em parceria com o CAU/RO, nos dias 3 e 4 de fevereiro, aprovou dois importantes encaminhamentos: defesa do curso de Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho na modalidade presencial, com carga horária de 620 horas, e a atuação integrada das entidades que participaram do evento, com o compartilhamento de conhecimentos específicos. 

A Lei 7.410/1985 determina que essa especialização pode ser realizada, exclusivamente, por arquitetos e urbanistas e engenheiros.

A mesa de abertura do seminário foi composta pela coordenadora da Comissão de Política Profissional (CPP) do CAU/BR, Josemée Gomes de Lima (AL); pelo arquiteto e urbanista e gerente técnico e de fiscalização do CAU/RO, Max Queinon Batista de Sousa; pelo consultor em especializações do IPOG em Porto Velho, Fábio Batista; pelo representante da Associação Nacional de Engenharia de Segurança do Trabalho (ANEST), engenheiro civil Eudes de Souza Fróes, e pelo engenheiro agrônomo e de Segurança do Trabalho Allan Robert Ramalho Morais.

A conselheira federal Josemée Gomes de Lima destacou que um dos projetos da CPP-CAU/BR para 2020 é disseminar a Segurança do Trabalho na sociedade e valorizar o arquiteto e urbanista com especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho.

“Precisamos perceber que esse é um grande nicho profissional, valorizarmos o arquiteto e urbanista com especialização em Engenharia de Segurança no Trabalho e mostrar para a sociedade a importância dessa área para a vida, que é o bem maior”, afirmou a conselheira.

O coordenador da Comissão de Ética e Disciplina do CAU/BR, Guivaldo D’Alexandria Batista (BA), que também participou do seminário, abordou os valores éticos na prática da Segurança do Trabalho. Para ele, tudo é uma questão de atitude profissional, pois o engenheiro de Segurança do Trabalho é um ser ético.

O ex-presidente do CREA/RO, engenheiro civil e de Segurança do Trabalho, Nélio Alzenir Afonso Alencar, destacou o amplo campo de atuação para arquitetos e urbanistas e engenheiros da Segurança do Trabalho, e que estes devem priorizar a vida do trabalhador no exercício profissional.

Prevenir e minimizar riscos

O analista da CPP-CAU/BR e especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho, Jorge Moura, falou sobre a Arquitetura de Segurança do Trabalho, que deve enfatizar as ações para prevenir e minimizar os riscos evitando, assim, os incidentes nas ações laborais.

Para o representante do CAU/RO, Max de Sousa, a iniciativa do CAU/BR de levar para Rondônia este debate, de grande relevância, foi fundamental para os profissionais da área e a sociedade.

O representante do IPOG, instituição que sediou o evento, ressaltou a qualidade dos cursos de especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho, fundamental para a formação. Já o engenheiro agrônomo e de Segurança do Trabalho, Allan Robert Ramalho Morais, que representou o secretário de Saúde do Estado de Rondônia, Fernando Rodrigues Máximo, apresentou um histórico da Segurança do Trabalho no Brasil e o quanto ainda é preciso avançar na área.

A segurança nas edificações e os processos de aprovação de projetos de incêndio, tendo como foco a Lei 13.425/2027, que estabelece diretrizes gerais sobre medidas de prevenção e combate a incêndio e a desastres em estabelecimentos, edificações e áreas de reunião de público, foi o tema da palestra do subcomandante do Corpo de Bombeiros Militar de Rondônia (CBMRO), coronel Gilvanir Gregório de Lima.

No dia 4, último dia do evento, os participantes conheceram, na prática, como se desenvolvem os instrumentos para a prevenção e eliminação de riscos no trabalho na Usina de Santo Antônio/Furnas (RO). Ficou a cargo da engenheira e especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho e analista socioambiental da Usina, Betânia Barcelar, apresentar as boas práticas adotadas pela empresa.

A Usina Santo Antônio é referência em segurança do trabalho e por isso foi escolhida para a visita técnica do seminário. No local também foi realizada uma exposição de materiais de segurança.

Publicado em 12/02/2020
Fonte: CAU/BR

Publicação

12.02.2020

Escrito por:

Redação CAU/SP

Categorias:

Compartilhar

NOTÍCIAS RELACIONADAS
12.04.2024

Como participar dos editais de Fomento do CAU/SP?

capa fomentos.3

Os Editais de Fomento consolidando as parcerias entre CAU/SP e a sociedade civil.

Como contratar um arquiteto?

É recomendável contratar um profissional da Arquitetura e Urbanismo considerando três aspectos: combinando as regras; levantando as necessidades e como o arquiteto e urbanista trabalha.

Contrate um arquiteto! Conheça 12 passos que você deve saber antes de construir ou reformar.

Pular para o conteúdo